Playlist

sábado, 5 de novembro de 2011

Aviso a Praça: Time à Venda

Aos interessados, o time do Americana está a venda. O empresário Sony Alberto Douer anunciou que pretende se desfazer do time. Com a venda concretizada, a tendência é que o time mude novamente de cidade. Os atuais diretores negam, mas há conversas de bastidores que garantem o fato.

Antes do início da série B, o clube demitiu o seu principal executivo, o Sr. Ricardo Navajas e o diretor administrativo Roberto Camacho e o gerente de futebol Candido Neto. O elenco caro e a falta de público no estádio em Americana podem fazer o time realmente mudar de cidade.

Novamente teremos um time itinerante. O negócio futebol deve ser muito bem planejado, procurando evitar esse tipo de situação. Porém com a aprovação da Lei Pelé, que "liberta" o jogador de futebol das mãos malignas dos dirigentes de clube, possibilitam essa movimentação de clubes entre cidades.

O Time que hoje está na cidade de Americana hoje é uma sociedade Ltda, e como tal, tem que procurar uma sede que lhe possibilite pagar as suas contas e poder se manter competitivo no mercado do futebol. É claro que essas movimentações não trazem ao time, seguidores ou admiradores, pois não se sabe se o time vai continuar na sede por muito tempo.

Esses times apostam em boas campanhas em campeonatos de elite, pois o torcedor dos times grandes se sentirão atraídos para ver os jogos na sua cidade, não importando contra quem ele joga.

O pior é que existe a possibilidade da estrutura profissional da empresa de Sony Douer retornar a Guaratinguetá. Parece bizarro, mas é real. O principal "indicado" para intermediar o retorno da cidade é um dos fundadores dessa estrutura, Carlos Arini.

Enfim, são sociedades comerciais tomam as decisões que julgarem necessários, mas a atitude reforça o engano da Lei. Uma cidade acompanha o time provavelmente subir da série B para a série A, mas após isso o time vai embora. Lamentável...

Marcelo Alves Bellotti

Um comentário:

  1. O pior é a gente de guaratinguetá, que acompanhou o time desde a 5ª divisão do paulista, e quando o time chegou à série B do brasileiro, muda de cidade. Isso é LAMENTÁVEL. Nada mais justo o time voltar para sua cidade de origem, já não basta ter ficado um ano fora e deixado uma cidade inteira frustrada.

    ResponderExcluir