Playlist

domingo, 16 de abril de 2017

Campeonato Paulsta Série A3 define seus classificados

Tudo definido na série A3...

Equipes tradicionais do futebol paulista como o Comercial de Ribeirão Preto e o Paulista de Jundiaí, o último inclusive com uma Copa do Brasil em 2005 foram rebaixados ao quarto nível do Campeonato Paulista em 2018. Noroeste e Marília se salvaram em jogos dramáticos na última rodada. Acompanhe como ficou a Série A3...

Classificados para a segunda fase:
1 - Olimpia
2 - Internacional (Limeira)
3 - Rio Branco
4 - Monte Azul
5 - Taboão da Serra
6 - Nacional
7 - Desportivo Brasil
8 - Portuguesa Santista

Rebaixados:
15 - Comercial
16 - São Jose FC
17 - Paulista
18 - Flamengo
19 - Independente
20 - Catanduvense

"No limbo" ou seja, nem subiram, nem cairam:
9 - São Carlos
10 - Matonense
11 - Marilia
12 - Atibaia
13 - Grêmio Osasco
14 - Noroeste

Marcelo Alves Bellotti

quinta-feira, 9 de março de 2017

Série D define seu formato e sua tabela básica

Havia um tempo em que o campeonato Brasileiro só existoa na sua série A, sendo que os regionais existiam para classificar os times para a disputa do Nacional. Hoje essa realidade é bem diferente... Chegamos a quatro divisões no Brasileirão, cada uma com seus valores e critérios.

A série A é badalada e distribui bastante dinheiro aos doze "gigantes da mídia" a saber... Cruzeiro e Atlético em Minas Gerais, Grêmio e Internacional no Rio Grande do Sul, Flamengo, Fluminense, Botafogo e Vasco no Rio de Janeiro e São Paulo, Corinthians, Palmeiras e Santos em São Paulo. Mesmo entre os gigantes a divisão ainda sim é desigual e gera muita polêmica.

A série B é cercada de charme e tem clubes de tradição e distribui um bom dinheiro. O restante (séries C e D) vivem do subsídio da CBF. No total da séries A e B movimentam 40 clubes do futebol Nacional. A série C será disputada também por 20 clubes, mas de maneira regionalizada.

A novidade da disputa esse ano é a limitação de inscrições (35 atletas) e a obrigatoriedade de cinco atletas sub 23 no grupo. Até a terceira fase do campeonato, não haverá limitação de capacidade mínima do estádio.

A série D vem com 68 participantes. A CBF anunciou que "A CBF apoia todas os clubes, arcando com os custos de taxa de arbitragem, passagem aérea, alimentação e hospedagem das delegações.". A competição terá início dia 21 de maio.

No total serão 128 equipes com calendário anual em 2017. Acompanhe o melhor das séries C e D nesse espaço!

terça-feira, 3 de janeiro de 2017

Mais Estádios da Copinha

Mais estádios sede da Copinha... As fachadas são muito legais...

Grupo 4 - Novo Horizonte - Estádio Doutor Jorge Ismael de Biasi

O Estádio Doutor Jorge Ismael de Biasi, mais conhecido como Jorjão, é um estádio de futebol localizado na cidade de Novo Horizonte, no estado de São Paulo. Pertence ao Grêmio Novorizontino e sua capacidade atualizada é de 16. 000 lugares

O grupo tem Novorizontino, Atlético Mineiro, Novoperário  (MS) e São Raimundo (RR).


Grupo 5 - Marília - Estádio Bento de Abreu Sampaio Vidal

O Estádio Municipal Bento de Abreu Sampaio Vidal, também conhecido como Abreuzão é um estádio de futebol localizado no município de Marília, em São Paulo, usado principalmente pelo Marília Atlético Clube. Seu nome é uma homenagem a um dos fundadores da cidade de Marília, Bento de Abreu Sampaio Vidal.

O Estádio Abreuzão foi inaugurado no dia 4 de abril de 1967. Situa-se na avenida Vicente Ferreira, 152 no Bairro Tangará, sua capacidade máxima é de 19.800 pessoas e suas dimensões são de 105 x 68 metros.

O grupo tem Marília, América-MG, Ponte Preta, Alagoinhas (BA)


Grupo 6 - Penapolis -Estádio Municipal Tenente Carriço

O Estádio Municipal Tenente Carriço, conhecido por Tenentão, é um estádio de futebol localizado na cidade de Penápolis, no estado de São Paulo, é administrado pelo Clube Atlético Penapolense e tinha capacidade de 4.769. Mas foi expandida para 8.769 pessoas devido a uma série de reformas no estádio.

O estádio foi inaugurado em outubro de 1928, um jogo entre o Penápolis FC e o Corinthians de Penápolis, o popular Esmaga-Sapo, o jogo terminou com a vitória dos donos da casa por 1 a 0.  


O grupo tem Penapolense, Parana Clube, Paysandu (PA) e Volta Redonda (RJ)

Marcelo Alves Bellotti

sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Apresentando: Copa São Paulo de Futebol Juniores

A Copa São Paulo terá seu início já na próxima semana (a primeira de 2017) e traz algumas novidades: serão nessa edição 120 clubes divididos em 30 grupos de 4 clubes cada. Serão 29 sedes, já que São Paulo fica com duas chaves, onde se classificam os dois melhores times de cada grupo.

E as novidades não param por aí... serão possíveis seis alterações para cada equipe, desde que sejam feitas em apenas três interrupções. Por exemplo... Em sua primeira substituição você coloca um jogador, depois coloca mais um. A última substituição, você pode colocar quatro jogadores de uma vez.

Novamente a equipe dos Perolas Negras, do Haiti participará do torneio. A equipe ficará sediada em São Paulo, ao lado de Nacional-SP, Goias e Corisabba-PI.

Estaremos apresentando os Estádios das Cidades-Sede por grupos:

Grupo 1 - Votuporanga - Estádio Plínio Marin

Fachada do Estádio Antigo
Plinio Marin foi um dos pioneiros da cidade de Votuporanga. Doou o terreno para a construção do Estádio que acabou recebendo o seu nome. O Estádio foi inaugurado em 22/07/1975 e recebeu os jogos da Associação Atlética Votuporanguense, do SEV e do CAV (Atual Votuporanguense) até que em 2011 a prefeitura vendeu o terreno para um empreendimento imobiliário e o estádio foi demolido.

Nesse mesmo ano, porém em outro terreno foi construída a Arena Plínio Marin, que além do estádio, possui também um complexo esportivo. A Arena teve um custo total de 20 milhões de reais e foi inaugurada em 23 de janeiro de 2016 com o jogo CAV 3x4 Ponte Preta. A capacidade do estádio novo é de 8,145 lugares.

Arena Plínio Marin
No grupo estão: Votuporanguense-SP, Grêmio-RS, Brasilia-DF e Auto Esporte-PB



Grupo 2 - Tanabi - Alberto Victolo

O Estádio Municipal Prefeito Alberto Victolo, conhecido por Albertão, é um estádio de futebol localizado na cidade de Tanabi, no estado de São Paulo, pertence à prefeitura municipal e tem capacidade para 8.400 pessoas

No grupo estão: Tanabi-SP, Nautico-PE, Vila Nova-GO e Mirassol-SP



Grupo 3 - São José do Rio Preto - Anisio Haddad

O Estádio Anísio Haddad, mais conhecido como Rio Pretão, é um estádio brasileiro localizado em São José do Rio Preto, Estado de São Paulo. Tem capacidade para 14.014 pessoas. É o estádio do Rio Preto Esporte Clube e foi nomeado em homenagem a Anísio Haddad, ex-presidente do clube.


No grupo estão: Rio Preto-SP, Botafogo-RJ, Alecrim-RN e Sergipe-SE

Marcelo Alves Bellotti

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Messi brilha e classifica Barcelona fora de casa


Messi fez a diferença e completou seu 100º gol com a camisa do Barcelona em jogos internacionais com a camisa do time Catalão.  O Barcelona foi a Gasgow na noite desta quarta-feira e com dois gols de Messi garantiu a vitória por 2 a 0, sua classificação antecipada e a primeira colocação no seu grupo, com 12 pontos ganhos, quatro a mais que o Manchester City que apenas empatou em 1 a 1 com o Borussia Mönchengladbach.


Com dois gols, Messi roubou a cena e chegou a marca de 100 gols em jogos internacionais com a camisa do Barcelona, sendo 92 somente na Champions League, onde é o vice maior artilheiro da história, atrás de Cristiano Ronaldo.

Neymar também brilhou, deu um passe para o primeiro gol do Argentino e ao lado de Suarez, justificou a fama do trio MSN. Neymar tanto fez que conseguiu levar um amarelo e vai cumprir suspensão no próximo jogo contra os alemães. Outro destaque foi a estreia de Marlon, zagueiro brasileiro com passe preso ao Fluminense, que substituiu Piquê e teve uma boa atuação

Marcelo Alves Bellotti

Copa Paulista... Bom ou ruim?

A Copa Paulista chegou a sua fase final mostrando os times do XV de Piracicaba e a Ferroviária. Muito se fala, que em um futebol deficitário, essas copas não fazem sentido financeiramente e que a melhor opção seria a não participação.

Peço então para refletir no caso do XV de Piracicaba. O time foi rebaixado para a série A2 e teria todos os motivos, inclusive os financeiros já citados para declinar sua participação na Copa, como fizeram por exemplo São Bernardo e Santo André.

A Copa Paulista é um torneio criado pela FPF inicialmente para cobrir o calendário dos times que não participam dos torneios nacionais. Em sua época boa, teve transmissão dos seus jogos pela Rede TV em todas as suas fases. Hoje ele classifica seus finalistas para a Copa do Brasil e para o Campeonato Brasileiro da Série D, cuja escolha é sempre do time campeão. Porém com o passar do tempo, a FPF não tem apoiado o campeonato, que sem a visibilidade das TVs.

Mesmo com todo esse panorama desfavorável, o XV de Piracicaba resolveu pela participação. Fez campanhas de sócio-torcedor, criou um canal no Youtube, que aproxima o time ao torcedor, fez promoções especiais para sócios e atuou fortemente na campanha de futebol sustentável, que prevê troca de garrafas PET por ingressos.

O torneio teve transmissão de três jogos na fase de classificação. Na terceira rodada, a Rede Vida transmitiu Nacional 0x1 São Caetano, na quarta rodada, Paulista 1x0 São Paulo, na sétima rodada São Carlos FL 0x2 Ferroviária. Somente após as semi-finais as partidas estão sendo transmitidas pelo Fox Sports.

E os resultados do time do XV foram muito bons.O time teve média de 3.376 pessoas em seus jogos. Arrecadou R$32.918,33, tendo arrecadação líquida de R$19.649,12. Não é muito, os valores médios de ingressos foram de R$9,75. 

O mais positivo foi a  resposta da torcida. O menor público foi contra a Penapolense com 1.347 pessoas e o primeiro jogo da final marcou 11.094 como o maior público do XV no ano, superando o público do jogo contra o Palmeiras. Se não participasse do torneio, certamente o torcedor do XV estaria ainda com o rebaixamento do time na cabeça e uma energia negativa.

Por isso defendo que um time de futebol deve estar sempre ativo, respeitando seus torcedores. Quem decide a relevância de um torneio é o torcedor, que comparece e apoia o time. Certamente os números positivos foram incrementados com a participação do time na fase final. Mas sempre vou acreditar que vale o risco, pois um time de futebol só faz sentido se seguir jogando, para que seus torcedores o acompanhem.

Apoie o time da sua cidade! 

Marcelo Alves Bellotti

quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Paulistão - Cotas distinguem os clubes, entenda...

O Campeonato Paulista de 2017 será disputado por 16 clubes com quatro grupos de quatro equipes, classificando-se os dois primeiros times para a segunda fase. A grande expectativa dos torcedores é a distribuição de cotas pela participação no Paulistão. A FPF distribui cotas para os clubes pela participação no campeonato.

Essa cota é utilizada para que os clubes invistam nas contratações e montagem dos seus elencos. Para chegar ao valor da cota a FPF resolveu diferenciar a distribuição de cotas. Se adotarmos o mesmo critério do ano passado teremos...

Cotas (Base - 2015)

1) Permanência na Série A1: 
100 mil reais por ano de permanência
3 anos ou mais
Linense, Ituano, Audax, Ponte Preta e São Bernardo
2 anos
Red Bull, São Bento, Botafogo
1 ano
Ferroviária, Novorizontino
Estreantes 
Santo André, Mirassol

2) Bonificação - Campeonato Brasileiro
Valores diferenciados: Base 2015
Série A - 500 mil
Série B - 350 mil
Série C - 250 mil
Série D - 150 mil
Clubes
Ponte Preta - Série A
Ituano - Série D
São Bento - Série D
Botafogo - Série C
Audax - Série D

Em breve teremos o valor fixo de cada um sem a bonificação. Se contarmos com os valores base do ano passado (2 milhões para os novatos e 2,7 milhões para os que seguem no campeonato), basta aplicar as bonificações para definir o mínimo que cada clube vai receber.

Marcelo Alves Bellotti