Playlist

quinta-feira, 5 de setembro de 2013

Segundona marcada pelo equilíbrio - Destaque para Assisense

A segundona paulista pega fogo em sua terceira fase. Ao final do primeiro turno dessa fase, temos uma situação de equilíbrio em todos os grupos.

Apenas quatro equipes de destacam negativamente. O Fernandópolis pelo grupo 16 e o União Suzano (USAC) pelo grupo 18 ainda não marcaram pontos em três jogos. Diadema pelo grupo 15 e Tanabi pelo grupo 17 mararam apenas um ponto ao final do turno.

Então temos doze equipes com chances reais de classificação para a próxima fase. Hoje iremos destacar a campanha e a história da Assisense.

A equipe do Clube Atlético Assisense foi fundada em 1995 como um clube amador da cidade, pelos pais dos alunos da Escola de Futebol Peraltinha, que tinha uma importante parceria com o Cruzeiro esporte Clube de Belo Horizonte, que originou as cores do time de Assis.

O clube se tornou profissional a partir da brecha deixada pela desativação do tradicional VOCEM (Vila Operária Clube Esporte Mariano), time que representou a cidade de Assis no profissionalismo desde 1954 até sua desativação em 2003.

Nesse mesmo ano, a Assisense disputou o seu primeiro campeonato profissional, a série B3 (sexto nível do futebol paulista). De lá para cá, disputou sem muito brilho os campeonatos da Segundona. Em 2012, se licenciou e se dedicou seomente a disputa das categorias de base, com o sub-20 segunda divisão. 

Em 2013 a situação está bem diferente. O time conseguiu um apoio dos empresários da cidade e sob o comando do presidente Carlos Antunes do Rosário, o Falcão do Vale, como a equipe de Assis é conhecida vem fazendo uma campanha destacada nessa terceira fase, dividindo a liderança do grupo 18 com Olímpia e Paulistinha, cada um com cinco pontos em três jogos.

O time manda seus jogos no estádio municipal Antonio Viana da Silva, o Tonicão. Conforme falado, seu mascote é o Falcão, segundo conta a história, pelo fato desta ser uma ave forte, robusta, que transmite aos jogadores e torcedores catacterísticas positivas. É chamada de Falcão do Vale devido a cidade estar localizada na região do Vale do Paranapanema.

A torcida tem dado o seu apoio ao time da cidade e acompanhado o time nessa importante campanha de 2013.

É o futebol paulista, mostrando que mesmo sem nenhum apoio da Fedração, os clubes se organizam, as empresas seguem com interesse de ligar seu nome a tradição de clubes de futebol e o torcedor apoia sempre com orgulho da sua cidade. 

Marcelo Alves Bellotti

Nenhum comentário:

Postar um comentário