Playlist

domingo, 22 de fevereiro de 2015

XV demite seu técnico

O XV de Piracicaba anunciou na manhã deste domingo a demissão do seu técnico. Roque Junior e a diretoria chegaram a um acordo. Em uma nota curta no perfil do Facebook, a diretoria anunciou:

Nota Oficial
O XV de Piracicaba informa que Roque Junior não é mais o treinador do clube alvinegro. Após a derrota para o Linense, o presidente Rodrigo Boaventura conversou com o técnico e, em comum acordo, Roque Junior deixou o comando da equipe.
Em breve, será anunciado o novo treinador para a sequência do Campeonato Paulista 2015.

A campanha de Roque Junior foi realmente pífia. Em seis jogos, o Nhô Quim chegou a apenas uma vitória no campeonato, acumulou cinco derrotas e está atualmente na zona do rebaixamento. O presidente do XV, Rodrigo Boaventura até tentou, garantiu a continuidade do trabalho, mas a gota d'água veio na derrota contra o Linense na noite de ontem. 

Após o jogo, o jornalista da Radio Jovem Pan News de Piracicaba, decidiu boicotar a entrevista coletiva do técnico do XV. O repórter conseguiu apoio das coirmãs Difusora de Piracicaba e Educadora de Piracicaba.

A alegação é: "Chegamos a um consenso que as respostas seriam as mesmas e que ele, de entrevistado, seria mais uma vez o entrevistador, questionando a nós com perguntas. Por isso, a gente achou que seria desnecessário participar da coletiva"

Uma situação delicada onde todos erram. O torcedor do XV, por mais que não goste do trabalho do técnico da sua equipe, e por mais que o trabalho do treinador, seus métodos ou sua educação sejam questionáveis, é dever da imprensa questionar o seu trabalho. Se no caso do repórter ele achou por bem não ouvi-lo isso deveria ser uma decisão de sua própria rádio, e não na forma de boicote!

Essa postura completamente equivocada e anti-profissional da imprensa Piracicabana torna-se  uma ameaça, pois imaginem se eles resolverem boicotar o atacante Paulinho, dizendo que ele sempre dá as mesmas declarações? Ou então boicotar o presidente do time, por questionar o entrevistador? 

Roque agradeceu a diretoria pela oportunidade: “Sei que o trabalho que estava realizando era bom, apesar dos resultados. Entendo a cultura de resultados imediatos no futebol brasileiro, embora não concorde. Agradeço ao presidente Rodrigo (Boaventura), que confiou no meu trabalho e me deu a oportunidade para iniciar a carreira de técnico”

O fato é que o time de Piracicaba está a procura de um novo técnico. A uma expectativa dos torcedores pelo retorno de Moises Egert, vamos aguardar...

Marcelo Alves Bellotti

Nenhum comentário:

Postar um comentário