Playlist

quinta-feira, 30 de abril de 2015

Ceará ganha título da Copa do Nordeste

A alegria coube a torcida do Vozão. Na última quarta-feira o time do Ceará, que confirma a sua força regional e chega pela segunda vez consecutiva na final da Copa do Nordeste, sagrou-se campeão da edição de 2015.

A final desse ano foi contra a equipe do Bahia, dirigido por Sergio Soares, que ano passado dirigia exatamente o Ceará. Os jogos finais além de empolgantes lotaram seus respectivos estádios. Na Fonte Nova, o Bahia levou mais de 40 mil torcedores no jogo de ida e na finalíssima, o Vozão levou mais de 63 mil pessoas no Castelão.

Mas nem tudo foi alegria em Fortaleza. Muita confusão e muita bagunça fazem com que cada vez mais acreditamos que o futebol não é feito por pessoas sérias. A cidade de Fortaleza consegue fazer eventos para mais de 60 mil pessoas sem problemas, mas quando falamos em uma partida de futebol, tudo acontece.

Tudo já começa na chegada ao campo. O Bahia, atrapalhado pela PM chegou ao Estádio atrasado e entrou em campo com doze minutos de atraso. O evento então previsto para as  22 horas começou bem atrasado. Fora de campo, confusões entre PM e torcedores deixaram alguns feridos e causaram muito tumulto e susto entre os torcedores. Entre as torcidas, tudo normal e corriqueiro.

Em campo uma final digna, com ótimas jogadas de ambos os lados. No final, um título merecido a uma equipe que vem trabalhando ha tempos para ser campeão do Nordeste, Parabéns Vozão, legítimo campeão da Copa do Nordeste 2015

Marcelo Alves Bellotti

domingo, 26 de abril de 2015

Domingo de decisões - Palpites

Hoje, o domingo é marcado pela fase final dos estaduais espalhados pelo Brasil, em todos os lugares teremos decisões. Vamos começar com os palpites?

Rio Grande Do Sul - Hoje teremos a primeira partida da decisão entre Grêmio e Internacional. O jogo é cercado de mistérios entre os dois técnicos que dão um tom de clima amistoso entre eles e favorecem a ideia de "torcedor misto". O jogo hoje será na Arena do Grêmio. Acredito que o time do Colorado é favorito, mesmo jogando na Arena. 

Santa Catarina- O Campeonato Catarinense chega a final com o mesmo confronto do ano passado, apenas com a vantagem mudando de lado. Hoje o Figueirense pega o Joinville, que desta vez leva a vantagem do empate ou de dois resultados inversamente iguais. O jogo será no Orlando Scarpelli e penso que a vantagem do Joinville e o equilíbrio do confronto tende a que o jogo caminhe para um empate.

Paraná - No Paranaense a final reúne as equipes do Coritiba contra o Operário de Ponta Grossa. O Operário do técnico Itamar Schulle chegou a final com uma campanha surpreendente e espera complicar a situação do favorito Coritiba. O jogo de hoje será no Estádio Germano Kruger, em Ponta Grossa.

São Paulo - Em São Paulo, Palmeiras e Santos se enfrentam. É a nona decisão do time santista em estaduais no período de dez anos. O Palmeiras, do técnico Oswaldo Oliveira, busca a afirmação em um campeonato desacreditado pela crônica. Santos é favorito, Palmeiras ainda tem elenco em formação!

Rio de Janeiro - O Carioca chega a sua final desacreditado, com denúncias de favorecimento para os clubes envolvidos em detrimento dos outros clubes. Vasco e Botafogo, alheios a isso chegam a final. Acredito que o Vasco seja o favorito para o confronto.

Minas Gerais - O Mineiro chega a sua final mostrando Atlético contra a surpreendente Caldense, que promete quebrar o favoritismo do Galo. A equipe de Poços de Caldas mostra revelações como o técnico Leonardo Condé. O time da Caldense está invicto e não leva gols a sete partidas, mas teve uma baixa considerável. Apesar de ter construído uma arquibancada móvel para adequar o estádio para a capacidade de dez mil pessoas, a Federação Mineira confirmou a cidade de Varginha para a partida final, para que o time grande não corra riscos.

Goiás - No Goiano, o time do Aparecidense tenta reverter a vantagem do Goias na final. Aliás, o time esmeraldino além de levar a vantagem dos empates, quis levar as duas partidas para o Serra Dourada para não haver riscos de perder o título. A diretoria do Aparecidense não aceitou e o jogo de hoje deverá ser jogado no estádio Aníbal Toledo. Goias é favorito

Mato Grosso do Sul - A final envolve as equipes do Comercial de Campo Grande contra o Ivinhema. As equipes começam a decisão neste domingo, às 15h, no Estádio Jacques da Luz. A volta está marcada para o dia 5 de maio no Estádio Saraivão. O Azulão (Ivinhema), com melhor campanha do que o Colorado(Comercial) joga por dois resultados iguais.  

Bahia - A final do Campeonato Baiano envolvem as equipes do Bahia e a equipe de Vitória da Conquista. Aliás, o time chama-se Esporte Clube Primeiro Passo Vitória da Conquista.  O time do ECPP ficou famoso esse ano pelo confronto contra o Palmeiras pela Copa do Brasil e já se destacava no Campeonato Regional. A vantagem nos confrontos é do Bahia, mas para o confronto desta tarde no Estádio Lomanto Júnior - Vitória da Conquista (BA), deve dar ECPP.

Ceará - O Campeonato Cearense chega a sua final com o confronto entre Ceará x Fortaleza. O time do Vozão tem a vantagem pela melhor campanha, mas acredito que pelo envolvimento do time cearense nas finais da Copa do Nordeste, a vantagem penda para o time do Fortaleza. O jogo promete lotar a Arena Castelão.

Maranhão - O Maranhense também chega a sua final, com as equipes do Sampaio Corrêa e o Imperatriz. A vantagem é do time de Imperatriz. O Sampaio, que joga no Castelão nesse domingo espera reverter a vantagem. Apesar da vantagem, acho que o confronto pende para a o time mais boliviano do Brasil.

Pará - No Pará, temos a final RE-PA, com Remo e Paysandu. Esse é um jogo praticamente sem favoritos, onde a vantagem dos empates pertencente ao time do Papão pode ser decisivo no confronto. O primeiro jogo acontece hoje no Mangueirão.

Os demais campeonatos que não foram citados ainda não chegaram a fase final. É o Brasil e suas decisões regionais.

Marcelo Alves Bellotti

sexta-feira, 24 de abril de 2015

Definidos os confrontos da Champions League

A UEFA definiu na manhã desta sexta-feira os confrontos da semi-final da Champions League. Teremos confrontos sensacionais.

De um lado, ficaram o Barcelona de Messi, Neymar e Suarez. Do outro lado teremos Bayern de Guardiola e de vários jogadores, talvez o melhor time do planeta na atualidade. Os confrontos se iniciam no dia 06 de maio sendo o primeiro jogo em Barcelona, no Camp Nou e o jogo de volta será na Alemanha, no dia 12 de maio.

O outro lado mostra o confronto de Real Madrid, do sexteto Kross, Modric, James, Bale, Benzema e Cristiano Ronaldo. Esse sexteto estava em campo na vitória histórica de 9 a 1 sobre o Granada no começo do mês.

O Real enfrenta a Juventus de Turim que conta com Tevez como destaque principal da sua equipe. Os jogos serão disputados nos dias 05 de maio em Turim e a volta no dia 13 de maio em Madrid.

Marcelo Alves Bellotti

quinta-feira, 23 de abril de 2015

Bahia perde e Ceará fica perto do título

 A torcida do Bahia fez a festa ontem na Fonte Nova, fez mosaico com mais de 40 mil panfletos, vinha de uma série de dezesseis partidas de invencibilidade. Mas tudo isso não veio a campo quando o jogo começou, pois o Ceará conseguiu o resultado da vitória pelo placar de 1 a 0 e sai em vantagem no confronto.

O gol marcou uma falha incrível do goleiro Jean, que aceitou um chute de Ricardinho. O Ceará joga sua segunda final seguida - ano passado foi derrotado pelo Sport - e chega com uma grande vantagem.

Até a tarde dessa quinta-feira já haviam sido vendidos 34 mil ingressos para o jogo do próximo dia 29 na Arena Castelão.

Bahia 0 x 1 Ceará - Jogo de ida da final da Copa do Nordeste

Local: Arena Fonte Nova, em Salvador
Quarta-feira, 22, às 22h
Gols: Ricardinho (Ceará)
Árbitro: Pablo dos Santos Alves
Assistentes: Luis Filipe Gonçalves Correa e Márcio Freire Lopes (trio da Paraíba)
Cartões amarelos: Thales (Bahia), Zé Roberto (Bahia), Luís Carlos (Ceará), Charles (Ceará) e Marinho (Ceará)
Público: 40.805
Renda: 1.070.45,70

Bahia: Jean, Tony (Willians Santana), Robson, Thales e Patric; Wilson Pittoni, Souza (Rômulo) e Tiago Real; Maxi Biancucchi, Kieza e Léo Gamalho (Zé Roberto). Técnico: Sérgio Soares.

Ceará - Luis Carlos, Samuel Xavier, Gilvan, Charles e Fernandinho; Sandro Manoel, Uillian Correia e Marinho; Assisinho (Wescley) e Magno Alvez (William / Eloir). Técnico: Silas.

Marcelo Alves Bellotti

quarta-feira, 22 de abril de 2015

Santos define Vila Belmiro para enfrentar Palmeiras. Decisão errada?

As vezes a gente repete coisas e não se aprofunda em análises, apenas por observação e acabamos tendendo ao erro. Por essa razão acredito somente em fatos e dados. Análises superficiais, baseadas em observações em geral estão encobertas por valores pessoais e podem conter erros. A experiência me mostrou que é sempre mais indicado uma análise mais profunda para uma conclusão

Ouço que caso o Santos jogue na Vila estará "perdendo dinheiro". Em uma matemática própria, cronistas decretam que jogar na vila é falta de inteligência. Aceito isso de primeira como verdade, pois ao jogar em São Paulo, existe a possibilidade de arrecadar mais com vendas de ingressos em estádios maiores. 

Também temos que considerar que os envolvidos na análise tem suas crenças e costumes. Nas décadas passadas era comum que os clássicos fossem disputados em São Paulo, todos no velho e bom Morumbi. Mas os tempos mudaram, nessa época o Morumbi não tinha o monumento a seu proprietário, não estava loteado de camarotes, que dificultam o aluguel e outras questões comerciais. Hoje cada time joga em seu estádio, o que por si só justificaria o desejo Santista, não fosse o Pacaembu.

Pois bem, verifiquei os jogos do Santos esse ano e a conclusão é diferente do senso comum: Por exemplo... o Santos jogou no Pacaembu contra o Linense e teve esse resultado:

01/03/2015 - Santos 4x2 Linense
========================
Público Total: 12.897
Arrecadação Bruta: R$324.680,00
Despesas: R$343.793,05
Resultado: -R$19.113,05

Comparando com um jogo clássico na vila (no total foram dois, contra São Paulo e Palmeiras), tivemos o seguinte resultado:

11/03/2015 Santos 2x1 Palmeiras
========================
Público Total: 11.816
Arrecadação Bruta: R$360.960,00
Despesas: R$183.411,01
Resultado: R$177.548,99

O resultado fala por si, é uma reflexão bastante significativa do que significa fazer futebol nesse país. É simples analisar do alto de um escritório, com ar condicionado, condutas alheias definindo o que certo ou errado. Difícil é realmente defender que jogar na vila dá mais dinheiro que jogar no Pacaembu... tem que pesquisar, mostrar números! Isso não conclui a análise, mas somente mostra um ponto de vista diferente de um mesmo pensamento. 

Vale a pena jogar na Vila? Claro... e não só tecnicamente!

Marcelo Alves Bellotti

segunda-feira, 20 de abril de 2015

Paulista A1 chega a final

O campeonato paulista da série A1 chega a sua final, após 17 jogos, Santos e Palmeiras chegam a fase final para decisão do título do estadual. O Santos chega a final fortalecido pela campanha e pela bela vitória diante do São paulo. Desde a saída do técnico Claudemir, os jogadores assumiram o time e legitimaram a dupla Marcelo Fernandes e Serginho Chulapa. 

No Palmeiras, uma classificação épica, com todos os detalhes de uma grande decisão. O Corinthians entrou fragilizado pelo jogo no meio da semana e teve dois jogadores poupados (Elias e Renato Augusto) e com o desfalque do Sheik. Mesmo assim o jogo foi empolgante e o Palmeiras chegou merecidamente a final.

Para esse jogo final, o Santos quer fazer prevalecer o jogo na Vila Belmiro e informações dão conta que a FPF vai tirar a final da casa santista e exercer o seu mando. Porém o Santos vai se manter firme e pretende levar a partida para a cidade de Santos. As notícias que vêm da baixada dão conta de que caso as duas partidas venham para São Paulo, o Santos quer duas partidas em campo neutro.

No Palmeiras um clima de festa após a classificação esconde uma insatisfação da diretoria e de parte da torcida com o atual técnico. Ontem após a substituição do meia Valdívia, a revolta do jogador se recusando a dar a mão para o técnico só agrava uma insatisfação que começou com a recusa do técnico a colocar o atacante Gabriel Jesus. A situação poderá piorar caso o time do Verdão não ganhe o título do estadual, não sendo descartada inclusive a sua demissão em caso de derrota para o santos.

Marcelo Alves Bellotti

segunda-feira, 13 de abril de 2015

FPF define confrontos na semifinal

Ontem, após a definição técnica dos confrontos da semifinal do Paulistão 2015 entre Corinthians x Palmeiras e Santos x São Paulo, faltavam as definições de datas e locais dos confrontos. A FPF definiu agora a pouco que Corinthians x Palmeiras jogarão na Arena Corinthians no domingo as 16 horas e Santos x São paulo na mesma data, porém as 18h30.

Marcelo Alves Bellotti

domingo, 12 de abril de 2015

Copa do Nordeste chega a sua final

Mais uma final da Copa do Nordeste. E na edição de 2015 teremos Bahia enfrentando o Ceará. O time baiano saiu em vantagem no primeiro jogo contra o sport após empatar em zero a zero. Hoje, jogando na Arena Fonte Nova o time de Sergio Soares venceu o Sport pelo placar de 3 a 2 e chegou a final da competição.

Do outro lado, o Ceará, comandado por silas Pereira chega a sua segunda final consecutiva. finalista em 2014, quando era dirigido por Sérgio Soares, hoje no Bahia, o Vozão foi derrotado pelo Sport naquela oportunidade.

Esse ano, o Vozão chega a finalíssima após empatar com o Vitória no Barradão, mesmo estando duas vezes atrás no placar. A decisão da Copa do Nordeste começa apenas daqui há dez dias, em 22 de abril. O primeiro jogo deve acontecer na Fonte Nova, e o segundo no dia 29, no Castelão.

Marcelo Alves Bellotti

segunda-feira, 6 de abril de 2015

Campeonato Carioca, tem que acabar?

A mensagem é emblemática..."Acaba, Campeonato Carioca, tem que acabar.". foi isso que o centroavante Fred disse a quem pudesse ouvir na sua saída após expulsão mal explicada no Fla-Flu ontem a noite no Maracanã.

A frase, ainda que esteja dentro de um contexto louvável contra a união de dois times grandes mais a federação carioca contra dois times grandes, simplesmente demonstra o desejo dos jogadores de elite desse país, o fim dos estaduais. 

Os estaduais vão minguando... tem suporte financeiro em São paulo e Rio, que ajudam quatro times a manterem salários absurdos como os do próprio Fred, e em nome disso, vão criando fórmulas esdrúxulas para impedir que esses quatro times coloquem times mistos ou reservas, prejudicando todos os outros.

Apertam um calendário para times que não disputam o certame nacional, fazendo com que estes disputem jogos a cada três dias sem orçamento para tal. No segundo semestre, lançam torneios para movimentar seus clubes e sem contar (ou sem procurar) apoio de emissoras de TV, esses torneios seguem deficitários e sem apelo.

Ninguém parece estar disposto a uma discussão, que viabilize o futebol como uma categoria profissional, que só em São Paulo movimenta 90 clubes em 4 divisões na FPF. Se a média salarial desses clubes forem de 3 salários mínimos, ou seja R$2.364,00 em clubes com cerca de 25 jogadores, teremos uma folha de pagamento de aproximadamente R$60 mil. Se projetarmos essa média para os 90 clubes teremos um negócio de R$5.319.000,00 mensais, além de 2.250 atletas profissionais com carteira assinada.

Mas hoje a grande discussão parece formar atletas para o mercado exterior, cada vez mais as seleções estão nacionalizando brasileiros em todas as partes do mundo. Assim assistimos passivamente times de cidades importantes simplesmente fechando ou jogando para cerca de 100 pessoas. 

É Fred... talvez você tenha razão... a elite do futebol só consegue pagar jogadores como você se os estaduais acabarem! Ao invés de discutir algo mais racional, mesmo que signifique o fim da participação dos grandes... acabemos com tudo... 

Pobre futebol...

Marcelo Alves Bellotti

sexta-feira, 3 de abril de 2015

Copa Verde entra na sua fase final

A Copa Verde chega a sua semifinal com um clássico que promete parar Belém de um lado e do outro o confronto entre Luverdense e Cuiabá. Os confrontos definidos para esse fim de semana prometem muita emoção e bons públicos.

De um lado teremos no Passo das Emas a partida envolvendo o Luverdense, de Lucas do Rio Verde em Mato Grosso, jogando contra o Cuiabá, da capital. Ambos os times são extremamente novos. O Cuiabá foi fundado em 2001 pelo ex-jogador Gaúcho, de XV de Piracicaba, Santo André, Palmeiras e Flamengo. O Luverdense é de 2004 e foi criado graças a Prefeitura da cidade. A partida será disputada no sábado as 17 horas e é aguardada com boa expectativa de público.

Na outra partida, que será realizada no Domingo as 18h30, o Paysandu enfrenta o Remo em um clássico que promete parar Belém. O técnico do Paysandu, Dado Cavalcanti não espera o mesmo desempenho do time como aconteceu na última semana, quando seu time derrotou o Remo: "O próximo jogo é diferente do que foi o anterior. Esperamos dificuldades diferentes, adaptações diferentes, e vamos ter a tranquilidade de preparar a equipe para o clássico". Declarou ao site globoesporte.com.

Enfim, dois ótimos jogos, dois confrontos regionais  para movimentar a Copa Verde. Confira!

Marcelo Alves Bellotti