Playlist

terça-feira, 26 de junho de 2012

Ah Esses senhores...

Histórias e mais histórias temos para contar dos dirigentes do nosso amado futebol. Todos com a marca inconfundível da paixão pelo seu time, que faz com que produzam cenas no mínimo hilárias.

Acompanhei hoje tudo o que cercou a demissão do sempre trabalhador técnico Émerson Leão do São Paulo Futebol Clube. Leão definitivamente não agradou a cúpula Sãopaulina e a eliminação da Copa do Brasil seguida pela derrota para uma Portuguesa até então fragilizada, serviram como gota d'água para a demissão do treinador.

Nada a dizer dessas duas derrotas, ambas merecidas, porém a situação não parecia ser tão simples. Então, eis que o mandatário máximo do São Paulo rouba a cena, colocando nele o foco das atenções da má fase do time e poupando o restante do elenco.

Juvenal desta vez foi fundo... falou tudo o que a imprensa queria ouvir... e se superou!!!

Em um certo trecho da entrevista, devido aos recentes desmandos e intervenções que ele fez no elenco, um repórter pergunta se ele próprio, o Juvenal Juvêncio não seria um bom nome para técnico do São Paulo. A resposta é clara e soa como um aviso direto ao próximo técnico do time do tricolor...


Além de se achar capacitado para treinar o time da capital, o mandatário Tricolor em um outro momento, ainda revela que foi o maior responsável pela virada contra a Ponte Preta.  Juvenal diz ainda que fez a diferença quando o dirigente podia entrar em campo... não sei se foi assim entre 84 e 88 quando o São Paulo viveu uma grande época, mas em seu primeiro mandato de presidente houve a maior de todas as vergonhas do time do São Paulo... a disputa da série A2 (segundo nível) do futebol paulista em 1990.

Essa declaração, que beira a insanidade me fez lembrar de Salvador Hugo Palaia, que em 2006 para explicar do seu jeito a má situação do time palmeirense, resolveu promover a auto-entrevista, onde ele respondeu algumas perguntas formuladas por ele próprio... confira!!!



Esses senhores, apaixonados, são os maiores responsáveis pela estágio atual do futebol... que coisa!!!

Marcelo Alves Bellotti

domingo, 24 de junho de 2012

River retorna a Elite Argentina

O time argentino do River Plate ressurgiu após um vergonhoso rebaixamento, o único em 110 anos de história, ocorrido em 26 de junho de 2011, após um empate em 1 a 1 com o Belgrano em pleno Monumental de Nuñes.

Após 363 dias, o time conhecido como Millonarios ou La Banda derrotou o Almirante Brown por 2 a 0 e marcou o seu retorno a Elite do futebol Argentino.

O herói do acesso foi o Franco-Argentino David Trezeguet, que marcou os dois gols do acesso, e ainda desperdiçou um pênalti. O Quilmes também garantiu o acesso direto.

O time do River é um dos mais tradicionais times Argentinos. Fundado em 25 de maio de 1901 tem a sua sede no bairro de Belgrado, em Buenos Aires e joga no Estádio Monumental Antônio Vespucio Liberti, conhecido como Monumental de Nuñes, apesar de ficar no bairro de Belgrado. Como ambos os bairros ficam na área nobre de Buenos Aires, o time é conhecido como o time da Elite.

Porém a sua origem está nas docas, no bairro de La Boca. O nome foi sugerido por Pedro Martínez, que observou algumas grandes caixas vindas da Escócia com a inscrição "River Plate". Ele propôs o nome que foi aprovado.

O time faz o principal clássico do país com o Boca Juniors, conhecido como El Superclássico.

Marcelo Alves Bellotti

domingo, 17 de junho de 2012

Sumaré Atlético Clube

O time escolhido para apresentarmos hoje é o Sumaré Atlético Clube. O time representa a cidade de Sumaré. A cidade, considerada a segunda maior da região metropolitana de Campinas, atrás apenas da cidade de Campinas, possui 236 mil habitantes e chegou a esse crescimento e desenvolvimento no final da década de 70, muito devido ao desenvolvimento industrial, acompanhado pelo investimento imobiliário. Isso fez com que sua população aumentasse em mais de 400%. 

No período de 1909 até 1945, o povoado era chamado de Rebouças e era um distrito de Campinas. Porém a legislação brasileira proibia a existência de dois povoados com o mesmo nome e já havia uma cidade com o mesmo nome no Interior do Paraná. Então, em 1945 um plebiscito para a escolha. O nome que prevaleceu foi a da orquídea Sumaré. no dia 1º de janeiro de 1953 o povoado conseguiu a independência de Campinas.

No futebol, a cidade começou a ser representada no profissionalismo pelo Esporte Clube Sumaré, pelo período de 1977 a 1982. Após esse período, a cidade só foi voltar a ser representada em 2001 por uma estrutura B da Ponte Preta. Em 2003, o time foi vice-campeão do Campeonato Paulista, até que a parceria acabou.


Nos anos de 2004 e 2005 a cidade foi representada por uma tradicional equipe amadora, o Clube Atlético Guarani Sumareense. Até que em 09 de dezembro de 2005 surgiu o Sumaré Atlético Clube com a missão de representar o município e com um nome representativo ao município.

Inscrito na Federação Paulista desde 2006, o time do Sumaré tem as cores de sua camisa inspiradas na seleção da Colômbia. seu mascote é o Cavalo por sua força e beleza e por ser um dos grandes componentes da economia da região.

O time manda os seus jogos no estádio Municipal Vereador José Pereira, que tem a capacidade de um pouco mais de cinco mil pagantes. Nesse campeonato Paulista da Segunda Divisão (quarto nível), a equipe do Sumaré segue se destacando e lidera o grupo quatro, com doze pontos ganhos em seis jogos.

Marcelo Alves Bellotti

sexta-feira, 15 de junho de 2012

Opinião: Série C e D são esculhambação!

Hoje a CBF protagonizou mais um capítulo da esculhambação que está se tornando o futebol brasileiro após a troca de comando na Confederação. Nesta quinta-feira a 12ª Câmara do TJ do Rio Grande do Sul acolheu o pedido da Confederação e derrubou a liminar que obrigava a inclusão do time do Brasil de Pelotas na série C.

Pela primeira vez pude observar que as partes interessadas finalmente estavam em busca da verdade dos fatos, pois a CBF alegou que "inclusão em seu time de um jogador sem condição legal, visto que deixou de cumprir a suspensão automática resultante de expulsão na última partida da Série C do ano de 2010". De fato, não foi mencionado nenhum julgamento ou não informação por parte de federações, mas sim a simples suspensão automática de um jogador por expulsão.

Do outro lado, a CBF tentou um acordo com o Treze em favor do início da série C, porém o time Paraibano não quer acordo no sentido de continuar disputando a série D, mas sim ser promovido a uma série superior sem conseguir o mérito em campo, alegando que era o 5º classificado.

Esse é o retrato da bagunça que em que se transformou o nosso futebol. O que ocorre nas divisões inferiores é apenas o início.

Marcelo Alves Bellotti.

domingo, 10 de junho de 2012

Paulistão - Segunda divisão


Apresentando a Segunda Divisão do Campeonato Paulista, que corresponde ao quarto nível do futebol em São Paulo.O Campeonato é dividido regionalmente, o que facilita os seus participantes em termos de viagens mais longas.

Destaques do torneio: Votuporanguense, também conhecida como CAV, que em seis jogos conseguiu seis vitórias. Hoje em um jogo conturbado, a equipe do CAV derrotou o Fernandópolis pelo placar de 2 a 1.O jogo foi terminado antes dos 90 minutos por uma briga entre atletas e arbitragem que fez com que o jogo terminasse pela falta da quantidade mínima de atletas de uma equipe em campo devido as expulsões após a briga generalizada.

A pior equipe do torneio por enquanto segue sendo o Taquaritinga, que em seis jogos ainda não marcou nenhum ponto.

Nesse sábado, acompanhei o jogo entre Manthiqueira de Guaratinguetá contra o ECUS de Suzano. O jogo foi muito truncado e de pouquíssimas chances de gol. O detalhe interessante é que a equipe do Manthiqueira é comandada por uma mulher, a ex-atleta Nilmara Alves. A vitória da equipe de Guará só veio aos 49 minutos do segundo tempo, após a cobrança de escanteio, Sidnei chutou, a bola desviou na zaga do Ecus e enganou o goleiro. Final Manthiqueira 1 x 0 Ecus.

O resultado deixa o Manthiqueira como líder do seu grupo com 16 pontos ganhos em seis jogos.

Na manhã desse domingo acompanhei o jogo entre Jabaquara e Guaruja, no estádio Espanha. Um jogo com o nível técnico melhor, prevaleceu o futebol da equipe da AD Guaruja que venceu o jogo mesmo atuando fora de casa pelo placar de 1 a 0. O detalhe do jogo foi um penalti perdido no final do jogo pelo centroavante Rodrigão do Jabaquara. Rodrigão é o mesmo vice-campeão paulista de 2010 pelo Santo André e com passagens por várias equipes.

Mesmo com a derrota, o Jabuca segue na liderança do seu grupo com treze pontos ganhos em seis jogos.

Tudo sobre a segundona é por aqui!

Marcelo Alves Bellotti

sábado, 9 de junho de 2012

Show do Melhor do Mundo

O Brasil jogou uma bela partida amistosa hoje em Nova Jersey. Acho estranho esse tipo de amistoso, pois se é para atravessar o oceano para jogar um amistoso, que joguemos na Argentina ou no máximo, no Brasil. Mas enfim, como já foi citado por aqui, esses eventos não são feitos para os torcedores que normalmente vão ao estádio mesmo!

O que pudemos ver foi uma bela exibição do time do Mano. Diferente das outras jornadas, ele flutuou o ataque com o Hulk (fazer o que...), o Damião e o Neymar, tirando a previsibilidade do seu ataque, concentrado todo pelo lado esquerdo, como pudemos observar no último jogo contra o México.

A se destacar ainda a segurança demonstrada pelo goleiro Rafael, que se definiu como titular para a Olimpíada. A preocupação fica com o sistema defensivo, pois os volantes e a zaga não demonstram segurança. Talvez seja possível que essa situação melhore, pois os adversários da Olimpíada não são tão bons assim.

Mas o que aconteceu hoje foi um show de Messi. O Argentino confirmou tudo o que se fala dele. Discreto, sem cabelos extravagantes ou dancinhas para comemorar os seus gols, sem olhar para as câmeras laterais ou qualquer gesto premeditado, Messi segue fazendo seus gols e ratificando a sua condição de melhor jogador do mundo.

O jogo foi bem movimentado, o Brasil dominou uma boa parte e a real diferença foi o Messi. Foram três gols e uma atuação de gala.

Marcelo Alves Bellotti

sexta-feira, 8 de junho de 2012

Começa a melhor Euro do mundo!!!

Começou hoje a UEFA Euro League que reúne as principais equipes da Europa que nessa edição está sendo disputado em duas sedes, na Ucrânia e na Polônia.

As equipes estão divididas em quatro grupos de quatro seleções cada. No grupo A temos Russia, Grécia, Polônia e República Checa. Grupo B mostra Holanda, Dinamarca, Alemanha e Portugal. O grupo C mostra Espanha, Itália Irlanda e Croácia e no grupo D temos as seleções da França, Suécia, Ucrânia e Inglaterra.sobre

Essa edição está sendo a mais badalada, chamada sempre de "A Copa do Mundo sem Brasil e Argentina!" pelo alto nível das seleções Europeias. Não acho que seja tudo isso, acredito que existem mais seleções que poderiam estar nesse "seleto" grupo.

O fato é que estão fazendo da Euro 2012 um mega evento, que promete movimentar milhões, o que pode ser uma boa saída para combalida economia Européia.

O que vemos até agora é um festival de intolerância. Na polônia, mesmo com o racismo sendo considerado crime, grupos de acéfalos seguem imitando gestos e gritos de símios visando mostrar a todo o mundo qual a sua educação e sua origem. Na Croácia, uma crise institucional envolvendo a prisão da ex-primeira ministra e ameaça a democracia no país.

Sempre alheio a isso, o futebol segue e tenta mostrar ao mundo o lado bom do Europeu. Parece difícil!

Marcelo Alves Bellotti

domingo, 3 de junho de 2012

Itália e seu Calcioscommesse

A Itália vive mais um escândalo no Cálcio. Desta vez o problema se concentra em Cremona e prendeu 19 acusados, dentre eles dez jogadores profissionais, todos eles acusados de manipulação de resultados.

O "esquema" é o mesmo das outras vezes... manipulação de resultados envolvendo rebaixamentos das equipes menores e muito dinheiro envolvido em apostas, antigamente na loteria esportiva, agora em sites de apostas.

Lembro-me do caso de Tuta, quando jogava no modesto Venezia, que indevidamente fez o gol da vitória do seu time em um jogo contra o Bari. A coisa foi tão descarada que o jogador brasileiro comemora o gol sozinho, como mostra a imagem.

video

Isso mostra que os casos de manipulação de resultados não estão localizados em 1982 e em 2006, como quer dizer a imprensa, colocando que nesses anos a seleção Italiana conseguiu duas Copas do Mundo.

O escândalo de manipulação de resultados é recorrente na Itália e deve ser repensado, pois como sempre será punido com prisão dos jogadores e rebaixamento das equipes. Porém, pensando no problema e não apenas nas suas causas, as punições deveriam servir para que os escândalos fossem inibidos. Porém não é isso o que vem ocorrendo na Itália.

Ano após ano a manipulação de resultados vem acontecendo, o dinheiro das apostas cresce ao invés de diminuir o recado que é passado para a sociedade italiana não parece inibi-la a continuar com esse procedimento.

Talvez um choque, como se aventa na Itália, de suspensão do Cálcio por dois anos pode fazer com que o futebol deixe de ser olhado com tanto interesse pelas casas de apostas italianas. Mas também estarão agindo na causa.

O grande problema é a manipulação de resultados. Para que o governo e a sociedade italiana possa enfrentá-lo, deve agir nas casas de apostas. La está o começo para a solução do problema. O Italiano deve começar a olhar para o problema com outra ótica.

Marcelo Alves Bellotti

sábado, 2 de junho de 2012

Mogi das Cruzes e seus times

Mogi das Cruzes é uma cidade que fica na região metropolitana da capital paulista. O nome Mogi vem do Tupi Guarani e significa "Rio das Cobras" uma referência ao Rio Tietê, que cruza o município.

Apesar da proximidade da capital, a cidade conta com dois clubes profissionais que atualmente disputam o Campeonato Paulista da Segunda Divisão, o Atletico de Mogi e o União de Mogi. Durante os anos 40, a cidade já chegou a ser representada por cinco representantes.

Para evitar situações como essa, havia uma lei na cidade que proibia a presença de mais de um clube profissional.

Essa lei perdurou até o começo da década de 2000. Com o término da Lei, surgiu o Atletico de Mogi é também conhecido na cidade como Mogi Ltda, é um clube empresa fundado em 19 de abril de 2004 como Mogi das Cruzes Futebol Clube. Em 2009 adotou o nome que utiliza até hoje.

O Mogi Lda foi o primeiro clube empresa da cidade a ser registrado na FPF. Seu apelido é "Caçula de Mogi" e seu mascote é uma criança.

O outro time da cidade é o União de Mogi. Tradicional, teve a sua fundação em 7 de setembro de 1913 com o nome de União Futebol Clube, porém só disputou campeonatos após 1924, quando participou do Campeonato do Interior.

O time permaneceu em atividade no futebol profissional até 1951, quando se licenciou até 1955, quando retornou e disputou mais cinco campeonatos. Em 1960 pediu nova licença e só retornou ao Futebol em 1979.

Em 1998 alterou o seu nome para União Mogi das Cruzes Futebol Clube, nome que permanece até hoje.

Entre seus maiores feitos destacamos o título do Campeonato Paulista da Segunda Divisão (quarto nível) em 2006 conforme escreví na época http://bellotti.zip.net/arch2006-11-19_2006-11-25.html.

Seu mascote é a Serpente, em uma alusão direta ao nome da cidade. É conhecido como "A Serpente do Tietê".

O União de Mogi já teve em suas fileiras o futebol de Neymar (pai de Neymar atleta do Santos). Sua passagem teve uma história curiosa por um amistoso jogado em 31 de maio de 1995 contra o Santos, na festa de reinauguração do Estádio municipal Francisco Ribeiro Nogueira, o Nogueirão, onde o time manda os seus jogos até hoje.

Na época, o União de Mogi disputava a série A2 e o fato curioso do jogo foi o encontro do então desconhecido Neymar com Edinho (filho de Pelé), goleiro do Santos.

O jogo terminou empatado pelo placar de 1 a 1 e entrou para a história da cidade.

Atualmente, os dois times de Mogi estão na segunda divisão do Campeonato Paulista (quarto nível).

O Atlético de Mogi ocupa a terceira colocação do grupo 6 com 4 pontos ganhos e o União ocupa a quinta colocação no mesmo grupo, com o mesmo número de pontos.

Marcelo Alves Bellotti